BlogAlex, sed Alex

Ícone

quem faz yoga não bloga

É hoje! Alemanha em campo

Logo mais às 15h45, a Alemanha enfrenta a Polônia pela Euro 2008, em Klagenfurt. É o jogo inicial das duas seleções que, junto a Croácia e Áustria, fazem parte do grupo B.

A única dúvida na escalação da Deutschland é a disputa de três jogadores por duas vagas: Schweinsteiger, Podolski e Gomez.  Assim, temos: 1 Lehmann – 16 Lahm, 17 Mertesacker, 21 Metzelder, 2 Jansen – 4 Fritz, 13 Ballack, 8 Frings, 7 Schweinsteiger (20 Podolski) – 11 Klose, 20 Podolski (9 Gomez). Eu iria de Schweinsteiger e Gomez. Mas, tendo em vista que Schwein sempre rende abaixo do esperado ante a presença de Ballack, a escalação da dupla Lukas Podolski – Mario Gomez (não, não é o ator global! Que já não é global… aliás, onde anda?) acaba sendo interessante.

O medo maior, contudo, é o desempenho que o zagueiro Chris Metzelder terá. Mais contundido que titular na última temporada pelo Real Madri, Metzelder já não é aquele da Copa – quando formou uma dupla dinâmica com Mertesacker. Westermann olhará, ressabiado, do banco de reservas. Joachim Löw, vulgo Joaquim Love, mexeu, mexeu, mexeu, mas, em seu primeiro jogo oficial como treinador titular no Nationalelf, pretende manter a base laureada com a medalha de bronze na última Copa.

De minha parte, vou ver o jogo pela TV Record e gostaria muito que Löw escalasse um time mais ofensivo, com Schweinsteiger, Hitzlsperger e Schlaudraff. Imagina o desespero do narrador e do comentarista! Em tempo: Schlaudraff não foi convocado.

Palpite: na Copa, a Alemanha venceu por 1×0, gol chorado de Neuville (que, apesar de quase totalmente careca, foi convocado, entrou no último amistoso – contra a Eslováquia – e virou o jogo. Ufa!) no finalzinho. Prevejo algo parecido para hoje. E não descarto uma vitória magra da Polônia!

Mas… wir haben Fiebeeeeeeeer!

Anúncios

Filed under: Euro-2008, futebol

Alemanha 4×0… e fora de casa!

 Mesmo abdicando do belíssimo segundo uniforme, a seleção alemã de futebol goleou a vizinha Suíça por 4×0 em amistoso realizado em Basel (ou Basiléia), na Suíça, nesta quarta-feira 26 de março de 2008.

Há 100 anos, mais precisamente em 8 de abril de 1908, e contra a mesma Suíça, a Alemanha debutava em jogos internacionais. Na ocasião, os chucrutes fizeram o que até hoje é um costume daqueles que visitam as terras helvéticas: saborearam o legítimo chocolate suíço (5×3 para os locais).

Desta vez, em 2008, contudo, o passeio foi alemão; e apenas os atacantes anotaram. Miroslav Klose aos 23′, Mario Gomez aos 61′ e de novo aos 67′ e Lukas Podolski a um minuto do apito do árbitro, o holandês Eric Braamhaar.

A Alemanha do técnico Joachim Löw joga ofensivamente, eu garanto. Não dê atenção ao que dizem por aí – principalmente a mídia brasileira costuma relatar as seleções alemãs, e seus cotejos, com uma inundação de clichês. Vejamos o meio-camp: Fritz, Hitzlsperger, Schweinsteiger e Ballack. Fora os dois atacantes, Klose e Gomez. Mais: o grandalhão Jansen e o habilidoso Lahm, teoricamente os laterais do time, sobem com freqüência. Isso sobrecarrega o miolo de zaga, mas tem feito de Per Mertesacker (1m97!) um herói nacional. Também rendeu a Chris Metzelder um contrato com o Real Madri, mas Merzelder não tem sido chamado para o Nationalelf. Contra a Suíça, o titular da zaga foi Westermann.


Da esq para a dir: Schweinsteiger, Lahm, Klose, Ballack (encoberto por Fritz), Fritz (27) und Gomez.

Jogando no ataque, é comum o ex-supergoleiro Jens Lehmann passar fortes emoções e muitas vezes recorrer à sorte. Foi  o caso. Com 1×0 no placar, os alemães por pouco não levaram o empate; Alexander Frei perdeu ótima chance, aos  30 minutos , cabeceando nos braços de Lehmann.

Com um preparo físico primoroso – e este parece ser o principal diferencial entre a atual fase e a de 2006, na Copa – no segundo tempo só deu Alemanha. Levando em conta que a Suíça não vence os vizinhos do Norte há 50 anos, o país conhecido pela neutralidade foi o adversário ideal para a celebração do 800º jogo da seleção alemã. E uma boa oportunidade de entrosar ainda mais o time para  a Euro-2008, que começa para a Alemanha no dia 08 de junho, enfrentando a Polônia. A Suíça estréia dia 07, contra a República Tcheca.

Ficha

Suíça

Benaglio; Lichtsteiner, Eggimann, Senderos (von Bergen) e Spycher; Inler, Behrami (N’Kufo), Fernandes e Barnetta (Vanlanthen); Frei (Yakin) e Derdyick (Gygax).

Alemanha

Jens Lehmann (Arsenal); Marcell Jansen (Bayern), Heiko Westermann (Schalke) [Simon Rolfes (Leverkusen)], Per Mertesacker (Bremen) e Phillipp Lahm (Bayern); Clemens Fritz (Bremen)  [Arne Friedrich (Hertha Berlin)], Thomas Hitzlsperger (Stuttgart), Bastian Schweinsteiger (Bayern) e Michael Ballack  (Chelsea); Miroslav Klose (Bayern) [Lukas Podolski (Bayern)]  e Mario Gomez (Stuttgart) [Kevin Kuranyi (Schalke)].


O uniforme alvinegro da Alemanha é um tanto Web 2.0, concorda?

PS: Piotr Trochowski, do Hamburg, entrou no finalzinho. No lugar de quem? Do Lehmann, talvez? 😉

Filed under: Euro-2008, futebol

outubro 2019
S T Q Q S S D
« jul    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031